fichamento

Resumo, resenha, fichamento. Esses são termos muito escutados pelos estudantes na graduação, porém muitos, ao acabarem de ingressar, não sabem exatamente o que são eles e, principalmente, como fazê-los.

Todos eles são formas de transformar um conteúdo maior em algo abreviado, porém a forma como isso é feito e o objetivo de cada um deles é o que os diferencia.

É essencial, por isso, saber as características de cada um deles para, então, executá-los da forma correta.

Neste artigo o objetivo é falar sobre fichamento, mas se você quer saber sobre resenha pode ler este outro artigo:

https://www.unidombosco.edu.br/blog/dicas-de-como-fazer-uma-boa-resenha

O que é fichamento?

Fichamento nada mais é do que uma maneira de colocar informações lidas ou escutadas em formato de ficha. Pode ser considerado uma técnica de estudos ou uma forma de apresentação de estudos.

Ele pode ser usado como forma pessoal de estudo ou forma de apresentação, e é muito utilizado como metodologia de pesquisas para TCC.

De qualquer forma, ou para qualquer objetivo, o fichamento é considerado pela maioria dos estudantes como um formato bastante prático.

Como fazer um fichamento?

O passo um, e até bem óbvio, é entrar em contato com o material a ser fichado. Leia o texto escolhido na primeira vez de forma mais dinâmica. Este primeiro contato é mais superficial para trazer a compreensão inicial sobre o tema.

Nos próximos contatos é que se aprofunda o conhecimento. Nesse momento, vá retirando informações relevantes e anotando onde e quando elas aparecem.

Anotar essas informações é essencial para fazer um bom fichamento, além de facilitar a busca quando ela for necessária.

A estrutura básica de um fichamento é: cabeçalho (indicando o assunto a ser tratado), referência bibliográfica (autoria, título, local de publicação, editora e ano da publicação) e conteúdo ou texto (de acordo com cada tipo de fichamento).

Ele pode ser feito à mão, em fichas, ou, atualmente, usando a tecnologia.

Quando o fichamento for uma apresentação requerida por um professor, é importante ficar muito atento às normas da ABNT.

Após a leitura inicial e as de anotação, é hora de fazer o fichamento propriamente dito.

Quais são os tipos de fichamento?

fichamento

Existem três tipos de fichamento que são:

Organizam-se as frases mais importantes que foram citadas em um texto lido, transcrevendo-as entre aspas.

Neste tipo de fichamento é preciso ter atenção para que as citações sejam colocadas de forma com que o texto faça sentido. É possível colocar um trecho menor de algo maior, mas para isso é preciso ter atenção ao uso de reticências e parênteses.

São colocadas as principais ideias do texto, mas com as palavras e opiniões próprias. Podem ser colocadas também citações. As ideias precisam ser organizadas de acordo com a aparição no texto base.

As ideias escolhidas para serem colocadas, e expressadas por meio de opinião pessoal, possuem a indicação de onde foram retiradas no texto.

As ideias são colocadas por tópicos.

Escolha qual tipo de fichamento te agrada mais, ou o que for requerido pelo professor, e mãos à obra.

 

última atualização em: 19 de julho de 2022