Comportamentos negativos no trabalho

Certos comportamentos negativos no trabalho podem prejudicar muito mais a sua carreira profissional do que se pode imaginar. Os comportamentos dizem muito sobre os indivíduos. Basta notar uma ação considerada ruim ou boa, que passamos a traçar imagens positivas ou negativas sobre os outros.

Embora, às vezes, possa ser uma atitude isolada, no momento fica difícil discernir que aquela ação não faz parte da personalidade daquela pessoa. Dentro das empresas não é diferente e há comportamentos negativos no trabalho que podem te prejudicar no mercado, às vezes de forma irreversível.

O ditado popular de que “atitudes valem mais que mil palavras” é muito verdadeiro, afinal, são as atitudes, e não somente bons discursos, que vão mostrar quem a pessoa é.

Veja alguns dos principais comportamentos negativos no trabalho

A procrastinação e fuga constante de atividades que poderiam ter sido realizadas com antecedência não contribuem com o perfil de um bom profissional.

Ficar adiando afazeres prejudica não só aquele que deixa as coisas para a última hora, como também pode prejudicar a equipe como um todo e o resultado final de um trabalho.

Precisar sempre remanejar a agenda para realizar atividades atrasadas, ou que estão no limite de entrega, é um ciclo perigoso e prejudicial.

A fofoca e a intriga são atitudes negativas que afetam a credibilidade e o profissionalismo.

São tipos de assuntos que não contribuem para o crescimento da empresa ou de seus membros e que, na verdade, acabam prejudicando um bom clima organizacional.

Não só o “fofoqueiro” pode abalar sua imagem no ambiente de trabalho, como aqueles que participam desses tipos de conversa.

Quem fala de um, pode falar de qualquer um.

Alguns problemas pessoais podem fazer com que não se chegue com um rosto muito amigável no trabalho ou com vontade de se relacionar com as pessoas.

Porém, independente do que esteja acontecendo na sua vida pessoal, os colegas e clientes não têm a menor culpa. Manter uma postura profissional nesses momentos e não apresentar comportamentos negativos no trabalho demonstra equilíbrio emocional, respeito, profissionalismo e maturidade.

Pessoas que não sabem se posicionar acabam passando uma imagem negativa aos outros, já que acabam sempre concordando com tudo. Afinal, quem sempre concorda com tudo acaba tendo fama de “maria-vai-com-as-outras”. E, acredite, essa não é uma boa fama para se ter no ambiente de trabalho.

O mercado de trabalho valoriza pessoas que são equilibradas e que sabem defender de forma clara e respeitosa suas opiniões. Independente de lados ou posições na carreira, aqueles que se posicionam de forma respeitosa sempre terão o respeito e admiração dos colegas.

Só porque já tem um emprego, não é sinal que pode se acomodar e deixar de investir na carreira. Tem muita gente que, depois de ser contratada, deixa de cuidar do currículo. Mas a verdade é que, mesmo depois de estar ativo no mercado de trabalho, é indispensável continuar fazendo cursos de extensão, pós-graduação, workshops, dentre outros, para se tornar um profissional cada vez melhor.

Esse cuidado com a sua carreira é um cuidado com sua marca pessoal.

Acomodação é uma atitude negativa para qualquer profissional e em qualquer área.

 Não se constrói sozinho uma carreira profissional. O mercado de trabalho é um ambiente de trabalho em equipe.

É preciso saber dosar o pensamento profissional, pessoal e o de espírito de equipe, para não ser aquele que só pensa em si e nos seus próprios resultados.

Esse termo antigo fala sobre a importância do alinhamento pessoal com os da empresa. É primordial que exista essa conexão para que você não seja sempre o do contra, o que não concorda com nada, o que parece que está lutando contra.

Quem tem esse tipo de atitude não é bem-visto, mesmo que esteja certo no seu modo de pensar, pois seus pensamentos precisam estar de acordo com o da empresa em que atua.

Ao buscar um trabalho é preciso avaliar o quanto você está alinhado à cultura e missão do local, para que caminhem juntos.

Por que é importante pensar sobre isso?

Estar atento às atitudes que podem “sabotar” sua carreira é de suma importância para se tornar um profissional mais qualificado, mais benquisto e, por consequência, mais valorizado no mercado de trabalho.

E quem não gostaria de tudo isso? Porém, muitas vezes por pequenas atitudes que você nem se dá conta, a sua imagem fica “manchada” e as oportunidades de crescimento e desenvolvimento deixam de surgir.

Leia essa lista de comportamentos negativos no trabalho e se você tem algum deles, comece as mudanças hoje mesmo.

Para ver mais dicas e conteúdo sobre mercado de trabalho, carreira e ensino superior, continue acompanhando o Blog e as redes sociais do UniDomBosco.

 

última atualização em: 2 de agosto de 2022