curso-de-graduação

Escolher um curso de graduação, para muitos, é uma escolha simples e literalmente sabida desde crianças, mas para outros é uma tarefa que requer análise para uma escolha assertiva.

Não é porque alguém já sabe desde sempre que profissão quer seguir que ela será bem-sucedida nela e nem que aquele que não sabe, e precisa de mais tempo para pensar, não terá sucesso.

Essa não é de fato uma ciência exata e, talvez, mesmo os que já sabem o que querem possam aproveitar essas dicas de como escolher um curso de graduação.

É importante também pensar que, obviamente, não existe problema em fazer um curso e perceber que ele não é o que se imaginava e mudar para outro. Porém, seguindo alguns passos, a assertividade tende a ser maior e o tempo gasto neles certamente é menor do que o tempo gasto em um curso com o qual não se identifica ou não se enxerga atuando profissionalmente.

Leia com atenção cada uma dessas dicas ou passos e, principalmente, realize cada um deles com calma, mas também com foco.

Esse primeiro momento é essencial, pois muitas pessoas não costumam ter ideia de em que elas são boas ou no que se interessam e que pode ser uma atuação profissional.

Pegue um caderno e escreva de um lado suas habilidades e, no outro, seus interesses. Após ter feito isso, veja quais habilidades interagem com os interesses e coloque, numa terceira parte, os cursos que acredita que dariam certo com essas combinações.

Essa é uma parte essencial, mas também muito difícil para muitos. Esse é um pensamento de médio e longo prazo e, por isso, a dificuldade.

Mas, para facilitar, imagine que você deseja ter uma carreira onde possa trabalhar de qualquer lugar, ou que você queira estabilidade financeira, ou, então, que queira até os 30 ser milionário. Todos esses objetivos ajudam a guiar sobre quais carreiras seguir e quais não. Alguém que quer trabalhar de qualquer lugar não conseguiria, talvez, sendo médico ou dentista, por exemplo.

Compreendem como analisar os objetivos e metas de vida são um passo importante nesse momento?

Depois da lista feita e da análise de quais desses cursos se encaixam com seus objetivos, é o momento de avaliar cada um deles. Buscar informações sobre os cursos, sobre as instituições que os oferecem, sobre a grade curricular.

Conhecer o mercado de atuação dos cursos de graduação que está pesquisando é uma etapa que não pode ser deixada de lado. Principalmente porque vai ajudar a alinhar seus objetivos com a carreira que deseja seguir.

Ao conhecer o mercado de trabalho, as projeções de ganhos e outros, é possível entender qual curso trará maiores chances de alcançar seus objetivos.

A conversa com os profissionais que já atuam nas áreas é a forma de conhecer “a vida como ela é”. Somente quem, de fato, está no mercado de forma atuante vai poder trazer informações reais. E, por isso, é essencial conversar com profissionais de diferentes localidades, que atuem em segmentos distintos, que possuem caminhos antagônicos. Quanto maior a diversidade de profissionais dentro da mesma área de atuação, maior a veracidade das informações que você está buscando.

curso-de-graduação

Esse guia, ou passo-a-passo, pode parecer simples, mas é um caminho muito assertivo para ajudar a encontrar qual curso de graduação fazer.

Se você está nesse processo e tem dúvidas sobre suas habilidades e interesses, uma boa dica pode ser a de fazer um teste vocacional.

Gostou das dicas? Qual delas você acha que mais te ajudou ou vai ajudar na escolha do seu curso de graduação?

 

última atualização em: 7 de outubro de 2022