Como a Biomedicina tem colaborado com o mundo

Nunca se falou e se ouviu tanto falar em Biomedicina quanto atualmente.

Porém, grande parte da população e também os estudantes não sabem muito bem o que estuda essa área da saúde.

Vamos falar um pouco sobre o que estuda a Biomedicina e como ela tem colaborado com o mundo, não só nesse momento pandêmico.

O que é a Biomedicina?

De acordo com a Wikipédia, Biomedicina é uma área que atua no campo de interface entre biologia e saúde humana, voltada para a pesquisa e análise das doenças humanas com o objetivo de compreender as causas, efeitos, fatores ambientais e epidemiológicos e assim desenvolver e/ou aprimorar diagnósticos e tratamentos. 

Lendo a descrição fica até mais simples entender o porquê da importância dela no momento atual em que estamos vivendo.

Os biomédicos sempre atuaram pesquisando doenças e buscando formas de combatê-las. Não seria diferente durante a pandemia de Covid-19. Porém, diante da proporção da pandemia, a atuação desses profissionais também aumentou de proporção.

No início da pandemia, pouco ou quase nada se sabia sobre o novo vírus, seu processo de disseminação, as características químicas no meio ambiente, as formas eficientes de prevenção. Todos, inclusive os biomédicos, foram pegos de surpresa.

Hoje o cenário é outro. No que pode ser considerado pouco tempo, em se tratando de estudos sobre patologias, temos informações, estudos, vacinas.

A atuação da Biomedicina tem sido o diferencial na “luta” contra esse vírus e suas muitas consequências.

Como é a graduação em Biomedicina?

No UniDomBosco, na graduação em Biomedicina, o estudante terá disciplinas relacionadas às áreas de biologia celular e molecular, fisiopatologia, microbiologia, análise ambiental, bromatologia, anatomia, bioquímica, entre outras, e tem como foco principal a análise clínica e a pesquisa científica.

Quais áreas de atuação do biomédico?

A área de atuação é bem ampla e o profissional pode atuar em:

De acordo com o Conselho Federal de Biomedicina, 31 são as habilitações que o biomédico pode ter, como acupuntura, biomedicina estética, docência, farmacologia, genética, reprodução humana, parasitologia e outras. O próprio Conselho orienta que o exercício de uma habilitação, sem a devida regulamentação, pode gerar punições.

A amplitude das áreas de atuação e das habilitações mostra bem o quanto a profissão traz possibilidades ao profissional.

Além disso, as pesquisas mostram que as profissões na área da saúde têm tido alta de procura e destaque. No caso da Biomedicina, a pandemia e as já faladas contribuições atuais da área colaboraram para a maior busca pelo curso de graduação.

Se você se interessou pela Biomedicina, entre no site UniDomBosco e saiba mais sobre o curso.